Sistema Acadêmico - Lato Sensu

A pós-graduação Lato Sensu (cursos de especialização), tem como objetivo completar e aprofundar a formação acadêmica do graduado visando a educação continuada, a melhoria do perfil profissional e o aprimoramento da atuação no mundo do trabalho, nos vários setores da sociedade, bem como o desenvolvimento cultural, social e econômico do país.

Os cursos podem ocorrer na modalidade presencial ou à distância, em conformidade com a legislação vigente do Ministério da Educação (MEC) e da UTFPR.

PROPOSTA DE PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO - LATO SENSU COMO FAZER? (FLUXO DE ATIVIDADES DO PROCESSO)

PROPONENTE

1. Iniciar o processo no SEI do tipo “Pós-Graduação: Projeto Pedagógico de Curso de Especialização - Lato Sensu”

2. Criar no SEI o documento interno “Pós-Graduação: Proposta Projeto Pedagógico - Lato”

3. Realizar o preenchimento completo da proposta.

O projeto deve atender o disposto no Art. 4º. do Regulamento de Organização Didático Pedagógica dos Cursos de Lato Sensu da UTFPR (RESOLUÇÃO Nº 33-19, DE 30 DE SETEMBRO DE 2019)

4. Assinar a Proposta no sistema SEI.

5. Incluir ao processo os documentos abaixo:

Aprovação do Colegiado do curso de graduação ou Stricto Sensu ou do Conselho do departamento acadêmico associado a proposta

Anuência e concordância de participação do corpo docente

Ciência da chefia imediata do corpo docente pertencente à UTFPR

Cópia do certificado ou diploma de maior grau dos docentes externos à UTFPR.

6. Encaminhar o processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade.

DIRPPG

1. Analisar o processo e verificar se toda a documentação está correta e inclusa ao processo.

Solicitar ao Proponente que seja corrigido caso necessário ou anexados novos documentos.

2. Incluir e Preencher o documento interno SEI “Pós-Graduação: Checklist PPC - DIRPPG”

Solicitar ao Proponente que seja corrigido caso necessário ou anexados novos documentos.

3. Caso processo esteja completo incluir e assinar Despacho no SEI endereçado ao Proponente solicitando que este gere o documento final (Gerar Arquivo PDF do Processo) para envio ao COPPG.

4. Encaminhar o processo ao Proponente.

PROPONENTE

Neste único documento (Arquivo PDF do Processo), deverá ser colocado todos os arquivos gerados anteriormente para que possa ser analisado posteriormente pelo COPPG

A sequência deve ser a seguinte:

Pós-Graduação: Proposta Proj. Pedagógico - Lato - Já assinada

Aprovação do Colegiado do curso de graduação ou Stricto Sensu ou do Conselho do departamento acadêmico associado a proposta

Anuência e concordância de participação do corpo docente

Ciência da chefia imediata do corpo docente pertencente à UTFPR

Cópia do certificado ou diploma de maior grau dos docentes externos à UTFPR.

Pós-Graduação: Checklist PPC - DIRPPG - Assinada pela DIRPPG

2. Encaminhar o processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade.

DIRPPG

1. Incluir e assinar no SEI documento Ofício solicitando encaminhamento ao COPPG

2. Encaminhar o processo ao COESP encerrando o processo em sua unidade.

COESP

1. Analisar o processo e verificar se este está corretamente instruído.

Caso haja problemas ou falta de documentação, incluir Despacho informando da inconsistência e solicitando que sejam complementado/ substituído o(s) documentos incorretos.

2. Caso processo esteja corretamente instruído, incluir Ofício ao processo solicitando a apreciação do COPPG da proposta.

3. Encaminhar o processo à unidade COPPG encerrando o processo em sua unidade.

COPPG

1. Secretaria do COPPG analisa o processo.

2. Encaminha para apreciação em reunião pelo Conselho.

3. Incluir no processo o relato em PDF.

4. Encaminhar o Processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade.

DIRPPG

1. Realiza a analise das sugestões

2. Encaminha o processo ao Proponente para que este realize as adequações encerrando o processo em sua unidade.

PROPONENTE

1. Realiza as adequações solicitadas em novo documento interno SEI “Pós-Graduação: Proj. Pedagógico - Lato”

Deve-se manter os documentos anteriores no processo para que se mantenha a correta instrução processual

2. Encaminhar o Processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade.

DIRPPG

1. Encaminhar o Processo ao COPPG encerrando o processo em sua unidade.

COPPG

1. Secretaria encaminha por e-mail através do SEI o processo para o Relator.

2. Relator analisa e retorna por E-mail informando se esta de acordo ou não com as correções efetuadas.

3. Secretaria inclui este retorno do relator ao processo como Documento Externo.

4. Não havendo mais correções a serem realizadas que foram apontadas pelo Relator, a Secretaria incluirá ao processo no SEI a Resolução e a Versão Final coletando as devidas assinaturas dos conselheiros.

Havendo ainda correções apontadas pelo Relator deve-se encaminhar novamente o processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade para que se repitam as etapas de VII a X novamente.

5. Encaminhar o processo à DIRPPG encerrando o processo em sua unidade.

DIRPPG

1. Realiza a analise do processo.

2. Havendo necessidade de alterações realizar novas alterações conforme Etapas de VII a X.

3. Comunica ao proponente sobre a aprovação do a abertura do Curso de Especialização por email através do SEI.

4. Encerrar o processo em sua unidade.


Navegação
Ferramentas Pessoais